PESQUISE NO BLOG

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Na calada da noite, VW encerra produção do Gol G4

Contrariando as expectativas dos fãs e jornalistas que esperavam uma edição de despedida, a VW silenciosamente tirou o Gol “G4” de linha no fim do ano. Ao contrário do que a marca alemã fez com a Kombi, o Golzinho teve um fim bem menos badalado. Também pudera. Há concessionárias com estoques do modelo e, numa tentativa de manter as vendas boas até a chegada do Up!, a VW simplesmente fingiu que nada aconteceu.

Longe de ser um fanático pelo carro, mas lúcido o suficiente para reconhecer o seu potencial (assim como já escrevi em 2012 e que pode ser lido aqui) o fim silencioso do “G4” me pareceu um tanto amargo, principalmente pela história que o carro representa para a nossa indústria. O Gol “G4”, que na verdade foi lançado em 1994 e que ganhou o carinhoso nome de Gol “bolinha”, fez muito sucesso na época e até hoje é cultuado por fãs e colecionadores, principalmente as séries especiais e esportivas. Passou também pela famosa terceira geração, o Gol “G3” que é considerado por muitos o melhor carro popular de todos os tempos. Por fim veio a falecer com o controverso “G4”, que empobreceu em todos os sentidos, mas nunca perdeu o posto de carro mais vendido do Brasil nem a fama de confiável.

O Gol “G4”, que na realidade é o G2, merecia uma série de despedida. Não uma como se especulou meses atrás de que seria vendido por mais de R$50 mil, mas uma série em homenagem a tudo o que essa plataforma deu para a VW e para os milhões de proprietários, ex-proprietários, fãs e apreciadores do Gol. Alguns vão dizer “mas a VW fez isso porque o Gol continua em linha”... Ora, o tal novo Gol, de Gol só tem o nome. Não há uma, das principais caraterísticas do velho Gol como robustez, potência, DURABILIDADE, nesse novo “Gol”.

Enfim, se o amigo leitor tiver interesse em comprar um “G4” a hora é agora. Apesar de que quando se trata do VW Gol, mesmo fora de linha, ainda é um carro bem valorizado. O fim da produção não deixa de ser uma boa desculpa para pedir um bom desconto, principalmente por ele não possuir os equipamentos de segurança como Airbags e ABS.