Pular para o conteúdo principal

Sem volante, sem pedais, sem motorista. Google apresenta o seu carro, o carro que vai mudar o mundo

Querendo ou não este é o futuro da mobilidade humana e, consequentemente, o futuro dos carros, caminhões, ônibus... Não há como mudar isso. Hoje a maioria das pessoas não compra carro porque gosta de carro, ou porque gosta de dirigir, e sim, por necessidade, status e sei-lá-mais-o-quê. Dirigir é quase sempre o último motivo que leva um ser humano a comprar um carro. Tirar a carteira de motorista pode até ser o sonho de muitos jovens, mas na maioria das vezes esse sonho vem acompanhado do pavor em fazer baliza, controle de embreagem e até mesmo trocar de faixa. Passado essa fase o pavor vai diminuindo, mas ainda assim, para essas pessoas, dirigir um carro não chega a ser algo prazeroso. Principalmente se contarmos com o desgosto de pegar os quilômetros de congestionamentos das grandes cidades e o tempo desperdiçado em uma longa viagem.

Essa ideia de sentar em um carro e ele te levar parar qualquer lugar vai mudar o mundo de tal forma que a experiência de dirigir vai ser algo para poucos, para quem realmente gosta. Ou não. Se por um lado as montadoras podem continuar fabricando carros para quem quer dirigir, elas também podem ir com a maioria e produzir apenas carros autônomos, alegando não ser economicamente viável produzir carros “dirigíveis”.

Tem medo desse cenário? Eu também. Sou desses que não abre mão de colocar o carro na estrada. Vou de carro até onde for possível. Avião, ônibus, trem só em último caso. Dirigir funciona quase como uma terapia. De todo modo, quem não gosta, tem pavor de dirigir, possui alguma deficiência, é idoso ou simplesmente quer relaxar enquanto viaja ou vai ao trabalho, também tem o direito de ter seu próprio meio de transporte. Sem depender da boa vontade dos governantes e de outras pessoas.

Esse carrinho aí da Google é uma boa aposta. Simples, pequeno, sem luxo e mimos desnecessários que estamos acostumamos a ver em carros futurísticos. Apenas dois assentos, espaço para os pertences dos passageiros, uma tela que mostra o trajeto e o botão para ligar. Basta entrar, dizer o endereço e o carro te leva. No vídeo abaixo é possível ver como esse negócio funciona. A gigante da internet já está produzindo 100 protótipos que vão ser testados por alguns sortudos ainda este ano. Se tudo correr bem, o plano é expandir o programa de testes nos próximos anos.

Claro, vou acompanhar de perto a evolução desse projeto. Apesar de não ser um dos futuros compradores desse tipo de carro, tenho que admitir que é, sem dúvida nenhuma, um grande avanço. O início de uma nova era nos meios de transporte. E nessa nova era o carrinho do Google já saiu na frente. É feio, esquisito pacas, mas é uma evolução e tanto para o mundo. Bem-vindo ao futuro, amigos.

Postagens mais visitadas deste blog

AS VANTAGENS DE COMPRAR UM VW GOL

Muito tem se falado dos carros "nacionais". Uns metem o pau, outros elogiam e alguns até os veneram cegamente torcendo como se fossem times de futebol. A verdade é que existem vantagens e desvantagens nesses carros.

Num mercado tão peculiar como o nosso e cada vez mais exigente, fica difícil saber quais as verdadeiras vantagens de se comprar um automóvel "nacional". Vejamos então quais são as vantagens de se comprar um Gol, o carro mais vendido do Brasil, que hoje enfrenta uma queda brusca nas vendas por motivos óbvios.

CINCO CARROS 1.4 MAIS POTENTES

Sem delongas, vamos aos carros 1.4 "nacionais" mais potentes do mercado. Economia, conforto, espaço interno, nada disso vale aqui. O que vale é subir o morro tranquilo, com as bagagens e a família toda no carro. Será que isso é possível? Vamos à lista:


5 - Peugeot 207 1.4 16v
O 207 conseguiu uma façanha que parecia ser impossível. Ser menos potente que os motores Fiats. De imediato, os números não parecem surtir efeito. Mas é quando se anda no francesinho, que o desespero de pegar um morro vira rotina. O Citroen C3 tem o mesmo motor do 207.
Potência máxima (cv): 80,0 (G) / 82,0 (E) a 5.250 rpm
Torque máximo (kgf.m): 12,85 (G) / 12,85 (E) a 3.250 rpm

Ford vai utilizar o Microsoft HoloLens para projetar carros

Criticado por uns e amado por outros, o Microsoft HoloLens vem ganhando força no setor industrial. A prova disso é que a Ford se uniu à Microsoft para projetar seus carros em realidade aumentada.